METAMORFOSES E… ALGO MAIS

BLOG PT

2020 Passará à história recente como o ano inimaginável.

E todavia não sabemos se ficará por aqui como um incómodo e triste parêntesis na nossa forma de viver e relacionarmo-nos, ou pelo contrário, marcará o principio da mudança.

E apenas seria outra mudança em nossa longa andança, já que não é a primeira vez que a humanidade enfrentam esse tipo de acontecimentos. Enfrentar as eras glaciais teve que ser uma fase de muito stress, além de várias epidemias, guerras ou desastres naturais.

Todas estas metamorfoses foram sofridas, enfrentadas e superadas por os nossos antepassados, que souberam adaptarem-se com êxito a um novo guião. A chave do seu triunfo frente à adversidade foi, o conhecimento. Não só o que adquiriram através a sua própria perícia, assim como também o herdado dos seus procedentes em forma de conhecimento inato. Um conhecimento guardado, pela nossa prodigiosa biologia, na nossa amígdala, e que chegou até aos nossos modernos cérebros enriquecidos pela sabedoria de milhares e milhares de gerações anteriores.

A nova conjuntura de 2020 e os seus contínuos desafios nos levaram a voltar a este pequeno orgão em forma de amêndoa que valoriza o testemunho daqueles que o eram. Isso nos desperta, nos alerta e nos prepara para conquistar este novo tempo.

No entanto, este é apenas o aquecimento necessário para enfrentar a corrida. Estudar, observar, medir, inventar, testar, verificar, enfim, SABER, é a única coisa que nos fará cruzar a linha de chegada com grandeza.

Em todos os campos, facetas, dimensões, aspetos. O conhecimento é sempre o que nos tirará da confusão.

A nossa profissão não escapa a esta realidade e, embora as linhas sejam outras, temos o conhecimento, as ferramentas e a criatividade para continuar trançando-as.

A vinha, o processo, o marketing, as tendências, tudo conta. Mas o ingrediente que fará realmente a ser único o teu vinho está em ti, no teu talento, no teu juízo e na tua sabedoria. Tu és o terroir.

Por esse motivo, apresentamos o SAPIENTIA 2020, uma homenagem às pessoas que trabalham no processo de criação de um vinho. Sem a soma da engenhosidade e inteligência das enólogas e enólogos, o nosso setor não seria o mesmo.

Sonhando com uma enologia transversal.

 

Leave a Reply